Giordano Bruno




Quem foi
Giordano Bruno foi um frade dominicano, filósofo e teólogo italiano da época do Renascimento. Ficou conhecido por ter sido condenado à fogueira pela Inquisição por prática de heresia. Giordano Bruno defendia teorias científicas, principalmente astronômicas, contrárias às da Igreja Católica.

Nascimento
Giordano Bruno nasceu na cidade de Nola (Itália) em 1548.

Morte
Giordano Bruno morreu queimado pela Inquisição na cidade de Roma (Itália) em 17 de fevereiro de 1600.

Principais realizações e teorias

- Foi professor de cosmologia na Universidade de Oxford (Inglaterra);
- Fez vários estudos sobre Astronomia, contestando a teoria aristotélica;

- Acreditava na infinitude do Universo. 

Principais obras

1582 - O Candeeiro
1583 - Sigillus sigillorum
1582 - De umbris idearum
1584 - A ceia das cinzas
1584 - Sobre a causa, princípio e uno
1584 - Acerca do infinito, do universo e dos mundos
1584 - O despacho da fera triunfante
1585 - Sobre os heróicos furores
1586 - A interpretação
1588 - Oração de Despedida
1591 - De minimo
1591 - Da magia
1591 - De monade
1591 - De immenso et innumerabilibus



Frases

- "Deus é onipotente e perfeito e o universo é infinito".
- "Posso imaginar um número infinito de mundos como a Terra, com um jardim do Éden em cada um."
- "O tempo tudo tira e tudo dá; tudo se transforma, nada se destrói."
- "Não existe deleite sem um misto de tristeza".
- "Feliz na tristeza, triste na alegria".

No último interrogatório pela Inquisição do Santo Ofício, não abjurou e, no dia 8 de fevereiro de 1600, foi condenado à morte na fogueira. Obrigado a ouvir a sentença ajoelhado, Giordano Bruno teria respondido com um desafio: Maiori forsan cum timore sententiam in me fertis quam ego accipiam ("Talvez sintam maior temor ao pronunciar esta sentença do que eu ao ouvi-la").

Bibliografia Indicada

- Giordano Bruno e a tradição hermética
  Autor: Yates, Frances
  Editora: Cultrix
  Temas: Filosofia

- Giordano Bruno e a Filosofia na Renascença
  Autor: Bombassaro, Luiz Carlos

  Editora: Educs
Temas: Filosofia






Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.